Qualificação

Category Archives:Qualificação

3 simples passos para ter funcionários comprometidos

Resumo: Existem 3 simples passos para ter funcionários comprometidos, que qualquer empresa pode aplicar para melhorar os resultados da  equipe no próximo trimestre. E é sobre esses passos que vamos falar neste post.

__________

 

Você gostaria que seu funcionário fosse mais comprometido com a produtividade e tivesse melhores resultados que refletirão na sua empresa mesmo em tempos de instabilidade econômica?

 

E se eu disser que isso é possível se você seguir apenas 3 simples passos, que vou te mostrar agora neste post. Parece interessante não é mesmo?

 

Então, continue comigo e veja se isso é familiar no seu dia-a-dia.

 

Diariamente em minhas conversas com empresários, gerentes de Recursos Humanos e Técnicos de Segurança, me deparo com quase as mesmas dificuldades, quando o assunto é o funcionário.

 

De um modo geral, todos esses problemas estão relacionados à:

 

  • Falta de comprometimento;
  • Desmotivação;
  • Baixa produtividade;
  • E, em casos mais sérios, acidentes de trabalho (por falta de atenção)

 

Muitas vezes, quando o funcionário não consegue separar o lado pessoal do lado profissional, os problemas familiares acabam interferindo e prejudicando o seu desenvolvimento dentro da empresa.

 

Isso acontece pela falta de conscientização em relação as suas obrigações e deveres na construção de resultados pessoais e profissionais para a empresa na qual trabalha.

 

A família é um dos pilares mais importantes das nossas vidas, e é normal agirmos com emoção, afinal, como é que o seu funcionário pode ir trabalhar bem, sabendo que o seu filho esta doente ou com algum problema mais sério, ou até mesmo que tem uma dívida que não consegue pagar?

 

Mas o fato é que, se ele não se conscientiza que a empresa é a continuidade do seu lar, e que é dali que ele tira o sustento para a sua família, ele pode acabar perdendo este emprego por estar cometendo várias gafes no ambiente de trabalho e criar um problema ainda maior.

 

A falta de investimento das empresas nessa conscientização tem levado muitos funcionários ao individualismo e na busca de seus próprios interesses, sendo que na hora da entrevista para o emprego, a preocupação desse funcionário esta em saber quais os benefícios que a empresa tem a oferecer, e não se preocupam em saber o que a empresa espera deles.

 

Mas fique tranquilo. Neste post você vai aprender a administrar melhor todos esses problemas, de uma maneira simples! Por que eu vou te mostrar 3 simples passos que você poderá começar a aplicar agora, para que o seu funcionário se sinta valorizado e  consequentemente mais comprometido com a sua empresa.

 

Afinal, como fazer para ter funcionários comprometidos com a empresa?

Posso apostar que essa deve ter sido uma das repetidas perguntas que você tem feito durante todos os anos de existência da sua empresa, tenho certeza que agora que esta prestes à saber dessas 3 dicas simples que venho dado a maioria das empresas que atendo, você não vai querer ignorá-la, vai?

 

Então preste bastante atenção nessas dicas, que requerem atitudes bem simples, mas com um poder enorme.

 

Passo #1. Faça o seu funcionário te enxergar como amigo e não inimigo.

Infelizmente ainda hoje, o empresário é visto pela maioria dos seus funcionários como o vilão, aquele cara mercenário e egoísta, que só age a seu favor e pensando no seu lucro.

 

Se você acha que passa essa imagem à sua equipe, comece a repensar as suas atitudes, pois o bom líder é aquele que têm aliados e não inimigos. E como fazer isso?

 

  • Mostre aos seus funcionários que você se importa com eles e com os seus problemas, mas em contrapartida, que ele tem obrigações e deveres enquanto profissional dentro da empresa;

 

  • Se o teu funcionário tem algum problema pessoal de urgência para resolver, após avaliar o caso, dê folga para ele. Existem casos que merecem ser avaliados com carinho. Pois como já citei lá e cima, ele pode ter o filho com algum problema de saúde ou até mesmo a esposa, e é melhor ele ter 1, 2, 3 dias de folga, do que acabar se acidentando por falta de atenção e, a empresa ter que arcar com as consequências. Mas, deixe bem claro que ele terá que compensar de outra maneira, esses dias que ele não irá trabalhar. Lembre-se, você também tem problemas, e se sentiria injustiçado se alguém não pudesse compreendê-los.

 

  • Comunique-se de forma clara e objetiva com o seu funcionário: ele precisa entender que é você o Capitão do Barco, mas que ele também pode dar sugestões construtivas e dependendo da sua tarefa ou cargo, até mesmo tomar decisões que não prejudiquem o sistema, ou melhor, o barco.

 

Nós sempre dizemos aos nossos clientes, que a empresa deles é uma grande casa, e que os seus funcionários são os filhos. Para tê-los por perto, você precisa moldá-los! Saber compreender (e não dar tudo), ser amigo e educá-los (dedicarei um tópico exclusivo para discutirmos essa educação).

 

O que você precisa entender com tudo isso que acabei de falar, é que o ser humano age na maioria das vezes pela emoção e, entrando um pouquinho na psicologia, existe um poder para capturar o público, influenciar nas decisões e motivá-los a agir da maneira com que você queira com que eles ajam. E, este poder está relacionado à persuasão, que provem da psicologia social.

 

Através da psicologia da persuasão, nós podemos desenvolver habilidades para exercer influência sobre as decisões das pessoas.

 

O principal objetivo na hora de aplicar a psicologia da persuasão é de conseguir aliados, amigos, ou seja, funcionários mais comprometidos, motivados e por aí vai.

 

Pois quando você faz um favor para alguém, essa pessoa se sente na obrigação de retribuir este favor, para não serem considerados ingratos.

 

Pense em seu dia-a-dia! Por acaso, não é muito mais fácil conseguir que uma pessoa faça algo em que nós estamos interessados, depois de haver recebido um presente (ou uma folga, por exemplo)?

 

Veja bem, usei o exemplo da “folga” aqui apenas para ilustrar a situação, mas que fique bem claro, não estou dizendo que você precisa sair dando folga para os seus funcionários. É você quem sabe, o que dentro da sua empresa, é possível fazer e como dá para agir.

 

Você com certeza deve querer ser visto pelo seu funcionário, como amigo e não como inimigo, porque assim como a psicologia da atração pode exercer um poder positivo no seu dia-a-dia, a falta dele, também pode trazer grandes conflitos.

 

Passo #2. Tenha em sua empresa a política de portas abertas

Uma empresa que faz isso muito bem é Grupo Walmart, que adota a Politica de Portas Abertas, para estimular a comunicação das equipes com as lideranças, encorajando a comunicação de violações às políticas internas ao Código de Ética para a gerencia, ou a área de Recursos Humanos.

 

Em outras palavras você deve fazer o seu funcionário entender que ele também deve participar das tomadas de decisões da empresa.

 

  • Encoraje os a trazer novas ideias, palpites, projetos. Quer alguém melhor do que ele, que esta vendo o problema, sentindo o mercado todos os dias, para solucionar algo que você como empresário, gerente de Recursos Humanos, ou técnico de segurança, não estão vendo?

 

  • Faça uma caixinha de sugestões e coloque na recepção da sua empresa. Tenho plena certeza que as sugestões ou reclamações surgirão para melhorar uma determinada situação.

 

  • Faça todos da sua equipe se conscientizarem das metas diárias, semanais, mensais e até anuais da sua empresa. Quando todos sabem quais são as suas missões e deveres, fica muito mais fácil cobrar os resultados.

 

E este é um dos grandes erros que eu vejo a maioria das empresas cometerem. As metas ficam resguardadas apenas ao Setor Administrativo ou ao Setor Comercial.

 

O seu funcionário precisa sentir que ele tem importância dentro da empresa e que faz parte dessa meta. Caso isso não ocorra, ele vai se sentir apenas mais um e é aí, que você consegue distinguir nitidamente, o bom funcionário, daquele meia boca, que só esta ali, por causa do salário no fim do mês, e não porque esta comprometido com o seu trabalho.

 

Passo #3. Invista na qualificação pessoal e profissional do seu funcionário

Nós acreditamos que uma empresa por si só não move montanhas, e por mais maquinários que tenha, ela ainda precisa de pessoas para manuseá-los. E ter funcionários comprometidos e motivados nos dias de hoje é essencial para o sucesso de qualquer empresa, independente do seu porte.

 

Estamos em um tempo em que não existem milagres, e se você pretende melhorar os resultados da sua empresa, independente da situação econômica atual do país, ter funcionários comprometidos e satisfeitos, e principalmente crescer no próximo trimestre, você precisa investir na sua equipe de trabalho.

 

Somente investindo na capacitação pessoal e profissional dos seus funcionários é que você terá uma equipe motivada, qualificada e principalmente COMPROMETIDA com os resultados da empresa.

 

Treinar e capacitar profissionalmente o seu funcionário, ainda é a única maneira de você reduzir custos dentro da empresa e insatisfações.

 

Funcionário treinado e capacitado sabe qual é o seu papel dentro da empresa… E sabe também que suas ações influenciam diretamente nos resultados da empresa na qual trabalham.

 

Caso o contrário, se não houver este investimento, sua equipe será a mesma:

 

  • A mesma desmotivação;
  • A mesma falta de comprometimento;
  • E talvez os mesmos – resultados – ou até piores – dos últimos anos.

 

E eu tenho certeza que você não quer isso, quer?

 

Pensando nisso criamos um treinamento prático e eficaz que tem como objetivo fazer com que cada participante repense sua atuação na empresa, antecipando-se aos problemas, descobrindo a causa, dando a solução em busca de melhores resultados, assim vendo uma série de problemas no dia a dia.

 

Os Encontros Proativos são treinamentos presenciais que tem como objetivo intermediar na comunicação entre funcionários e líderes de uma empresa, proporcionando assim, a reflexão às mudanças contribuindo no comprometimento organizacional da equipe.
Para destacar-se no mercado não basta ter apenas um produto ou serviço de qualidade, é necessário ter uma equipe motivada, engajada e comprometida com os resultados do seu negócio.

 

É isso que estamos dispostos a fazer por você! Achou interessante, conheça mais sobre os Encontros Proativos e se você for de Curitiba e região metropolitana, solicite uma visita na sua empresa.

 

 

 

Tags:, ,

produtividade-no-trabalho

Porque o rendimento dos funcionários está abaixo do esperado?

Resumo: No post de hoje nós apontamos as principais distrações que ocorrem no ambiente de trabalho e afetam a produtividade e ensinamos as melhores táticas para combatê-las.


Trabalhar muitas horas, produzir pouco e viver com a sensação de que falta tempo: esses são alguns sinais de que a produtividade pode estar abaixo do esperado. Para muitas pessoas, concluir uma tarefa dentro do prazo é uma missão quase impossível. Enquanto os deveres se acumulam, cresce também a sensação de cansaço e estresse.

 

Atividades como checar e-mails a cada cinco minutos, acompanhar as redes sociais, conversar com colegas durante o expediente e participar de muitas reuniões podem levar à perda de rendimento.

 

Mas, afinal, como aumentar o rendimento e evitar a sensação de que sempre falta algo a ser resolvido? Apontamos as principais distrações que ocorrem no ambiente de trabalho e afetam a produtividade e ensinamos as melhores táticas para combatê-las. Confira abaixo.

 

Falta de gestão do tempo

 

Saber organizar o próprio tempo é o primeiro passo para ser mais eficiente. O ideal é fazer um planejamento prévio de pelo menos três dias, pois isso permite que o profissional se antecipe.

 

Dica: Entenda quais tarefas são realmente importantes; quais são urgentes e precisam ser resolvidas; e quais são circunstanciais, ou seja, tarefas imprevistas que podem ser eliminadas. Foque no que é importante e no que é urgente e elimine as circunstanciais.

 

Nós da Garbor in Company também oferecemos uma palestra com o tema 5 maneiras de otimizar o seu tempo que com certeza será muito eficiente para a sua equipe.

 

Falta de foco

 

Para aumentar a produtividade, é preciso conhecer os próprios objetivos e metas. Profissionais que não sabem as prioridades do trabalho estão mais sujeitos a distrações.

 

Dica: Defina as prioridades e depois faça um planejamento de curto, médio e longo prazo.

 

Dificuldade em dizer “Não”

 

Muitos profissionais têm o rendimento comprometido por causa das interrupções constantes de colegas de trabalho ou de chefes que pedem cada vez mais tarefas.

 

Dica: Comece a colocar limites e saiba dizer “Não”. Se você tem um colega que te chama para tomar café dez vezes por dia, por exemplo, explique para ele que você está organizando melhor seus horários.

 

Fofoca no ambiente de trabalho

Falar mal de colegas e se preocupar demais com a vida dos outros são situações que levam à perda de tempo e tornam o ambiente desagradável.

 

Dica: Evite o convívio exagerado com os fofoqueiros e não ajude a espalhar boatos. Fofocas e intrigas são situações que puxam para a negatividade. O melhor é respirar fundo, focar no que é importante e se desviar dessa energia que não leva a nada.

 

Multitarefas

 

Fazer muitas atividades ao mesmo tempo pode dispersar a atenção e diminuir os resultados.

 

Dica: A mente precisa estar focada em uma única tarefa de cada vez. Fazer várias coisas simultaneamente leva à perda de até 30% do tempo.

 

Redes sociais e e-mails

 

Facebook, WhatsApp, Instagram e Twitter são distrações aparentemente inofensivas, mas podem roubar muito tempo. Se o trabalho não exige o uso dessas redes, o ideal é evitá-las.

 

Dica: Separe um pequeno tempo no intervalo para checar as redes sociais. O mesmo vale para o e-mail: determine alguns momentos do dia para ler e responder as mensagens.

 

Sedentarismo

 

Mexer o corpo traz a sensação de bem-estar, o que pode aumentar o rendimento. Além disso, fazer exercícios de respiração ajuda a melhorar a concentração.

 

Dica: A atividade física é um combustível para a nossa produtividade e assertividade. A mente fica com maior clareza, a autoestima melhora e a pessoa se sente mais ativa.

 

Reuniões e ambiente dispersivo

 

Um ambiente de trabalho aberto e barulhento pode roubar a atenção do profissional. Telefone tocando, colegas que falam alto e aparelhos sonoros ligados podem reduzir os resultados.

 

Dicas: Para os profissionais, a sugestão é usar fones de ouvido. E os gestores devem ficar atentos ao volume gigantesco de reuniões, pois eles gastam tempo, e muitas vezes reunião demais é resultado de menos.

 

 

Fonte: arcauniversal

 


 

Tags:, ,

capital-humano-x-recursos-humanos

Você tem Recursos Humanos ou Capital Humano na sua empresa?

Resumo: Neste post você verá a importância do Capital Humano como diferencial competitivo para o seu negócio.


 

“Pensar é o trabalho mais difícil que existe. Talvez por isso tão poucos se dediquem a ele”  – Henry Ford

Ao longo dos últimos tempos, mais especificamente dos séculos XVIII, XIX, XX e XXI, a humanidade passou por três etapas da Revolução Industrial e conheceu três processos distintos de modelos produtivos nas indústrias que são: Taylorismo, Fordismo e Toyotismo.

 

Nos modelos de processos Taylorista-Fordista o operário era visto apenas como uma máquina – uma pessoa alienado que continha apenas uma especialidade-. Já no sistema Toyotista o trabalhador passa a ser visto como parte do processo e é mais colaborativo – aqui a empresa já o enxerga como Recursos Humanos.

 

Agora, na Era da Informação, o funcionário dentro de algumas corporações tem mais autonomia para executar as suas funções e participa de forma ativa nas decisões, ou seja, é um Capital Humano cheio de talentos.

“As empresas precisam parar de ter pessoas, elas precisam ter Capital Humano”.
Idalberto Chiavenato

 

E o que é Capital Humano?

 

É o conjunto de capacidades, conhecimentos, competências e atributos de personalidade que favorecem a realização do trabalho de modo a produzir valor econômico. São os atributos adquiridos por um trabalhador por meio da educação, habilidades e experiências.

 

Hoje as empresas que querem ter destaque no mercado precisam começar a investir em talentos, ou seja, no seu Capital Humano, porque são eles que vão fazer a diferença no seu negócio.  Investir em talentos não limita-se apenas às grandes empresas, a consciência da importância dos funcionários (independente de seu cargo dentro da hierarquia e do tamanho da empresa) é primordial para garantir a satisfação da equipe e ver os reflexos dos resultados no seu negócio.

O mundo está em constante mudança e enquanto você esta pensando em fazer alguma coisa, o seu concorrente provavelmente já fez, e não porque ele é mais rápido, mas porque ele tem mais Capital Humano que você.

Nunca esqueça essa frase: “São as pessoas que fazem as coisas acontecerem na sua empresa, e são elas mesmas que impedem que as coisas aconteçam”.

Entenda que as organizações mais do que nunca precisam de “Cérebros em Obra” e não de “Mão de Obra”, e elevar o índice de conhecimento na sua empresa é primordial para sobrevir a este mercado altamente competitivo.

 

Entre em contato conosco e saiba quais as soluções em Treinamento e Desenvolvimento que temos a oferecer para você, seus líderes e equipe.

 

Tags:, ,

Palestra Gratuita em Curitiba

Palestra Gratuita em Curitiba-Projeto Família Feliz

Para ter resultados na empresa, é preciso investir na capacitação pessoal e profissional da sua equipe. Saiba o que a Palestra Gratuita do Projeto Família Feliz tem a oferecer à sua empresa.


Estamos vivendo um tempo em que não existem milagres, e se você pretende melhorar os resultados da sua empresa, independente da situação econômica atual do país, ter funcionários comprometidos, satisfeitos, e principalmente obter resultados, você precisa investir na sua equipe de trabalho.

 

Somente investindo na capacitação pessoal e profissional dos seus funcionários é que você terá uma equipe motivada, qualificada e principalmente comprometida com os resultados da empresa.

 

Treinar e capacitar profissionalmente o seu funcionário, é a maneira mais eficiente de reduzir custos e insatisfações no ambiente de trabalho, pois a valorização do funcionário traz retorno imediato.

Mas para isso,  é necessário que você empresário, ofereça ao seu quadro de funcionários, atividades diferenciadas da rotina de trabalho e invista no seu capital humano.

 

Acreditamos que a solidariedade e o comprometimento entre as pessoas são essenciais para o processo de mudanças e transformações da nossa sociedade, e que o diálogo permanente, é fundamental para alcançarmos nossos objetivos por meio do relacionamento com as pessoas que convivemos.

 

Pensando nisso a empresa Garbor in Company criou o Projeto Família Feliz, um Programa de Responsabilidade Social e Qualidade de vida, que propõe às empresas interessadas  em Curitiba e região metropolitana, uma Palestra Gratuita.

 

Nesta palestra, temos como objetivo melhorar a interação dos funcionários com suas corporações mostrando a importância de ser responsável, ter ética e estar comprometidos com a empresa na qual trabalha, com a família que vive e com a sociedade em que convive.

 

Veja quais são os tópicos da Palestra Gratuita
Integração Família – Empresa

 

  • A empresa como a continuidade do lar;
  • Comprometimento do funcionário com os horários, metas, objetivos, resultados e a importância de procurar uma capacitação profissional;
  • Relacionamento entre a equipe de trabalho;
  • A interferência do relacionamento familiar no trabalho e porque é necessário nos dias de hoje, construir uma família baseada em princípios éticos, morais, e valores corretos de vida;
  • A construção de uma sociedade menos violenta começa dentro de casa: Com amor, paciência e muita educação.

 

Como funciona a Palestra Gratuita do Projeto Família Feliz

 

A Palestra Gratuita* do Projeto Família Feliz tem sua sustentabilidade mantida através da divulgação e comercialização de brinquedos educativos** apresentados na palestra.

 

A aquisição dos materiais por parte dos funcionários é opcional e não obrigatória, mas pedimos o apoio da empresa na intermediação por meio de desconto em folha, caso o funcionário apresente interesse na compra, repassando os valores para a Garbor Treinamentos e Palestras Ltda- ME via boleto bancário.

 

* Caso a empresa não possa nos apoiar nessa intermediação, a palestra passa a ter um custo. Consultar valor.

** A entrega do material educativo é posterior à palestra, para que esta aquisição por parte do funcionário não seja feita na empolgação e emoção do momento.

 

Quais são os benefícios ao contratar essa Palestra sem Custo

 

    1. Certificado: Certificamos a empresa e o funcionário – que apresentar interesse – com horas de palestras.
    2. Funcionários mais Qualificados: Investir na qualificação pessoal e profissional da sua equipe traz melhorias contínuas e maiores resultados.
    3. Atendimento Psicológico: Ofereceremos aos participantes da palestra acesso ao atendimento psicológico com profissionais parceiros, por um valor acessível.
    4. Acesso Educacional: Realizando esta Palestra Gratuita na sua empresa, você também estará dando a oportunidade ao seu funcionário, de adquirir brinquedos educativos (com valor acessível), que irão contribuir no processo educacional de seus filhos.
    5. Valorização do Ser Humano: A valorização do ser humano e da sociedade traz retorno imediato.
    6. Excelência: Você terá uma equipe mais consciente de suas tarefas na empresa e uma excelente palestra sem ter que pagar nada por isso!

 

Público Alvo:   Empresas que queiram melhorar o ambiente de trabalho e a qualidade de vida de seus funcionários e da sua comunidade.

 

Reserve já a sua data para a realização dessa palestra sem custo na sua empresa.

 

AGENDAR PALESTRA AGORA!

Tags: